Planejamento de ano novo: 12 passos para deixar seu 2020 mais sustentável

O início de um novo ano sempre pode ser o início de metas e projetos novos – ou uma retomada dos antigos. Nossa sugestão para o seu 2020 é mês a mês incorporar alguma prática mais amiga do planeta e das pessoas, para que juntos possamos construir uma moda mais consciente e sustentável. Vamos nessa?


1. Produza menos lixo

A gente produz muito lixo. O problema é que não existe lixo, porque nossos resíduos não somem ou são jogados no espaço: eles continuam aqui na Terra, em algum lugar. Só na São Paulo capital, são produzidos 20 mil toneladas de lixo todos os dias, que vão parar normalmente em aterros sanitários. Diminuir nossa produção de lixo é um passo importante: evite produtos com muitas embalagens, ter sempre uma ecobag, preferir o que puder ser reutilizado invés de itens descartáveis/ e procurar ferramentas que possam te ajudar nessa empreitada, como por exemplo nossos canudos de inox ou os copos reutilizáveis da Menos1Lixo. Outra dica é se envolver com os movimentos da sua cidade em campanhas de conscientização sobre o assunto; o Fórum Lixo Zero é nossa sugestão, que organiza diversas atividades em outubro.


2. Incentive negócios que acredita

Invés de sempre depositar dinheiro em grandes corporações, incentive os negócios que acredita e admira. Descubra os empreendimentos locais da sua região e fomente a economia local; uma dica é escolher uma organização que luta por algo alinhado aos seus ideais para apoiar financeiramente. Dessa maneira, você contribui para o fortalecimento da sua comunidade e também de projetos que gostaria de ver mais pelo mundo.


3. Faça um encontro de trocas

Sabe aquelas roupas paradas no armário, que ainda estão em boas condições mas você já não curte mais? Coloque para circular! Um encontro de trocas é uma ótima maneira de fazer isso, e você pode colocar outros objetos na roda também. Além de reunir colegas e amigos, você incentiva outras pessoas a terem atitudes mais conscientes e ainda sai com peças ‘novas’ para prolongar sua usabilidade por muito mais tempo. Essa publicação da plataforma Roupa Livre explica passo a passo como organizar essa atividade. 


4. Participe da segunda sem carne

A produção de carne é extremamente nociva à Natureza. Além de emitir muitos gases de efeito estufa, grandes áreas de terra são desmatadas para a criação de gado. Te convidamos a aderir a Segunda Sem Carne, um movimento global que não consome proteína animal toda segunda-feira. Esse já é um primeiro passo para a mudança. 


5.Estude e pesquise

Se munir de informações sobre as mudanças climáticas, desigualdades e contexto social é sempre importante para entender o que estamos vivendo. Experimente ver documentários, assistir vídeos no Youtube, acompanhar canais de conteúdo que goste e ler um livro. Nossa sugestão para esse começo é o filme Estou Me Guardando Para Quando o Carnaval Chegar, disponível na Netflix, e a publicação O Bem Viver.


6. Fale sobre isso

Leia, pesquise e estude, mas não concentre só em você. Fale sobre as transformações que nosso Planeta está vivendo e formas de reverter isso com seu círculo social, amigos e família. Disseminar estas mensagens e incentivar todos a se engajarem na construção de um mundo mais sustentável é crucial.


7. Vá mais em brechós

Preferir brechós na hora da compra é uma maneira de prolongar o uso das roupas, que poderiam ir parar em aterros ou ficar engavetadas no armário. O Desapegue nasceu desse desejo (conheça mais nossa história aqui), e hoje nós investimos nos brechós como uma maneira de fomentar a moda consciente. 


8. Consuma menos

Nunca esqueça de questionar se você precisa mesmo daquele produto que pretende adquirir. Muitas vezes somos motivados por campanhas de publicidade e desejos irreais, então a meta é fugir da compra inconsciente e sempre ponderar nossas verdadeiras necessidades. Se pergunte “eu preciso mesmo? vou usar por quanto tempo? o que faço quando não quiser mais usar?”, dessa forma você evita desperdícios e o consumo exagerado. 


9. Colabore mais

Nem sempre você precisa possuir algo para usufruir da sua utilidade. Te convidamos a fazer um exercício sempre que pensar em adquirir algo e perguntar “alguém pode me emprestar?”. Assim, vamos criando uma rede maior de compartilhamento e fortalecendo o acesso invés da posse. Existem opções de empreendimentos focados nesse nicho, como nossa Desateca que é um guarda-roupa compartilhado, de aluguel. 


10. Faça você mesmo

Que tal aprender algo novo em 2020? Ter habilidades manuais, de costura ou artesanato, podem ser muito úteis e ainda te ajudam a colocar a mão na massa, sem depender sempre das lojas. Você pode se aventurar nos diversos canais do Youtube de diy, investir em aulas presenciais ou apenas exercitar a criatividade em casa mesmo com as ferramentas que encontrar. 


11. Compre de quem faz

É ótimo quando a gente consegue olhar no olho da pessoa que produziu o que está comprando. Prefira investir em quem você conhece, sabe das condições de trabalho e quer ver crescer. Para isso sugerimos que frequente feiras, negócios locais e lojas compartilhadas, como a Desapegue em Vitória ou Floripa.


12. Prefira orgânicos

Na hora da alimentação, além de aderir a Segunda Sem Carne, você pode optar pelos produtos orgânicos e de produção justa e regional. Frequente mais as feiras do seu bairro e procure por eles no mercado, assim você vai cuidar do seu bem-estar, se alimentar com mais saúde e fomentar pequenos produtores e agricultores. 

Essas são nossas 12 dicas para você ter uma vida mais sustentável em 2020. Pequenos passos são importantes, e seu exemplo pode mobilizar um coletivo para promover as mudanças e a preservação do nosso Planeta e humanidade. E ai, topa? 


// Desapegue + UN Moda Sustentável : esse texto faz parte de uma série de matérias sobre moda e sustentabilidade, produzidos em parceria pela agência UN Moda Sustentável para a Desapegue. Acompanhe!  //

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Duvidas? Estamos Online!