-->

cintilante

Acompanhando o ritmo lunar, que perdeu seu brilho gradualmente, eu também estive escondida na toca nas últimas semanas. Foi por conta dos editais da cultura – assunto do Sol em Libra – que se encerram no próximo dia 20. Eu e metade da ilha de Vitória vamos tentar um lugar-ao-sol (quando o trocadilho é verídico) nessas seleções artísticas. Que a Vênus escute nossas preces.

A Lua míngua no signo de Libra e vai sumindo até chegar ao mesmo grau do Sol, também no signo da balança. Quando Lua e Sol se encontram acontece a Lua nova e a partir dessa transa tem início uma nova Lunação, período correspondente a 29 dias e meio aproximadamente, entre uma Lua nova e outra.

Com Sol e Lua, os dois luminares, passando por terreno venusiano, é natural que o romantismo nos fisgue. Ou não. Pode ser só charme & sedução; fantasia; vontade de flertar na sexta-feira à noite. Porém uma coisa é certa: Vênus procura por um espelho com mais avidez, talvez porque a Lua esteja apagada, fazendo a gente se recolher pra tomar impulso junto a ela, em sua fase nova. Talvez porque a própria Vênus-estrela-d’alva esteja em Libra, sim, território em que ama estar.

A chance de cintilar a beleza da Vênus no olhar dos outros é alta e um pouco de frescor da tarde dá o tom certo da harmonia.

 

*Imagem: A base da Vênus de Milo, desenhada por Debay, 1821. Disponível em: http://bit.ly/2yTyZZa

Gostou do texto? Você também pode me acompanhar no Facebook e Instagram.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site utiliza cookies para garantir que oferecemos a melhor experiência. Ao continuar a usar este site, assumiremos que está de acordo.Aceitar
Duvidas? Estamos Online!